Brasil registra 97.986 novos casos de COVID-19

2022-01-14 14:47:40丨portuguese.xinhuanet.com

Rio de Janeiro, 13 jan (Xinhua) -- O Brasil contabilizou nas últimas 24 horas 97.986 novos casos de COVID-19, elevando o total de infectados pelo novo coronavírus desde o início da pandemia em março de 2020 a 22.814.917, segundo balanço divulgado nesta quarta-feira pelo Ministério da Saúde.

Com isso, a média móvel de casos nos últimos 7 dias foi de 61.141, a maior registrada desde 29 de junho do ano passado (quando estava em 65.522). Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +634%, indicando tendência de alta nos casos da doença em consequência do avanço da variante Ômicron no país.

O crescimento de casos nestes primeiros 13 dias de 2022 é explosivo. Em 3 de janeiro, foram registrados oficialmente 11.850 novos casos e os números divulgados nesta quinta-feira indicam uma alta inédita de 737%.

Ainda que em um ritmo muito inferior, o número de mortes também subiu, alcançando 174 nas últimas 24 horas, o que elevou a cifra de óbitos desde o início da pandemia a 620.545.

Esse número tem aumentado de forma moderada desde o começo do mês. A média móvel dos últimos sete dias é de 129, mas em comparação com a média de 14 dias atrás, a variação foi de 29%, indicando tendência de alta nos óbitos decorrentes da COVID-19.

De acordo com os dados oficiais, o Brasil tem no momento uma taxa de mortalidade de 295,3 para cada 100 mil habitantes, enquanto que a taxa de incidência de casos é de 10.856,6 para cada 100 mil pessoas.

Segundo os dados do consórcio de veículos de imprensa, de 18 de janeiro de 2021 até esta quinta-feira, o total de pessoas que tomaram a segunda dose ou dose única das vacinas contra a COVID-19 é de 145.151.664 (68,04% da população), enquanto 31.799.107 pessoas (14,91% da população) receberam a dose de reforço.

Ao todo, 161.836.379 pessoas (75,84% da população) tomaram ao menos a primeira dose do imunizante. Somando a primeira dose, a segunda, a única e a de reforço, são 337.931.095 doses aplicadas desde o começo da vacinação.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001310424058