Maioria de lituanos opõem-se à política de Vilnius sobre China, diz pesquisa

2022-01-14 15:11:47丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 14 jan (Xinhua) -- Quase 60% dos lituanos entrevistados se opõem à política atual de Vilnius em relação à China, enquanto apenas 13% a apoiam, de acordo com uma pesquisa recente realizada por uma agência privada em nome do Ministério das Relações Exteriores do país.

Com 21% dos entrevistados avaliando "muito negativamente" e 37% "negativamente" sobre a política, a pesquisa aumentou a pressão sobre o ministério.

Os resultados da pesquisa vieram depois que o presidente lituano, Gitanas Nauseda, na semana passada reconheceu que o país havia cometido "um erro" ao permitir o estabelecimento de um "escritório de representação" em Vilnius com o nome de Taiwan em vez de Taipei.

Em resposta, Wang Wenbin, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, disse que reconhecer o erro é um passo certo, mas "é mais importante tomar medidas" para voltar ao caminho correto de defender o princípio de Uma Só China.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001310424113