Nova fábrica de baterias da fabricante chinesa de veículos elétricos NIO na Hungria inicia operações-Xinhua

Nova fábrica de baterias da fabricante chinesa de veículos elétricos NIO na Hungria inicia operações

2022-09-20 11:44:18丨portuguese.xinhuanet.com

Carro elétrico NIO é visto em uma estação de troca de bateria durante uma cerimônia de embarque da primeira estação de troca de bateria produzida pela NIO Power Europe Plant em Biatorbagy, Hungria, no dia 16 de setembro de 2022. O fabricante chinês de veículos elétricos (EV) NIO comemorou na sexta-feira o embarque da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant, a primeira fábrica da empresa no exterior, para a Alemanha. (Foto por Átila Volgyi/Xinhua)

Biatorbagy, Hungria, 16 set (Xinhua) -- A fabricante chinesa de veículos elétricos (EV) NIO comemorou na sexta-feira o envio da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant, a primeira fábrica da empresa no exterior, para a Alemanha.

"Demorou apenas sete semanas a partir de 29 de julho, quando anunciamos o início da produção. Isso é realmente notável", disse Qin Lihong, cofundador e presidente da NIO.

A NIO fornecerá estações de troca de baterias para toda a sua rede europeia a partir da nova fábrica de 10.000 metros quadrados localizada em Biatorbagy, 20 km a oeste de Budapeste.

Qin disse que a nova instalação de classe mundial apoiará o compromisso da NIO de instalar 1.000 estações de troca de baterias fora da China até 2025. Também será um centro pioneiro de pesquisa e desenvolvimento (P&D) para a NIO Power Europe e servirá como centro de treinamento, operações e centro de manutenção.

Qin disse que o ambiente inclusivo e positivo do país anfitrião Hungria para investimento e cooperação garantiu o bom funcionamento da nova fábrica.

A Hungria se tornou um atuante importante na fabricação de baterias, disse Tamas Menczer, secretário de Estado para relações bilaterais do Ministério de Relações Exteriores e Comércio do país.

Menczer também disse que o país também se tornou líder na "nova era automotiva". Atualmente, 20 assentamentos na Hungria abrigam fábricas de baterias construídas principalmente por investidores asiáticos.

Liu Bo, ministro-conselheiro para assuntos econômicos e comerciais da Embaixada da República Popular da China na Hungria, disse que a Hungria sempre forneceu um histórico político estável e um bom ambiente de negócios para investimentos estrangeiros e lembrou que, apesar da pandemia de COVID-19, o aumento do investimento chinês na Hungria foi "surpreendente".

Em 2020, pela primeira vez, a China se tornou o principal investidor na Hungria, segundo Liu.

Ele também disse que o investimento na planta NIO foi viabilizado pelas novas plataformas de comércio e investimento abertas pela Iniciativa do Cinturão e Rota.

Liu espera que a China e a Hungria encontrem novas maneiras de cooperar em projetos de desenvolvimento verde e acrescentou que mais empresas e investidores chineses começarão a fazer negócios na Hungria.

No segundo semestre deste ano, os serviços abrangentes de energia e produtos para veículos da NIO estarão disponíveis na Alemanha, Holanda, Suécia e Dinamarca, de acordo com um comunicado da empresa.

Carro elétrico NIO é visto em uma estação de troca de bateria durante uma cerimônia de embarque da primeira estação de troca de bateria produzida pela NIO Power Europe Plant em Biatorbagy, Hungria, no dia 16 de setembro de 2022. O fabricante chinês de veículos elétricos (EV) NIO comemorou na sexta-feira o embarque da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant, a primeira fábrica da empresa no exterior, para a Alemanha. (Foto por Átila Volgyi/Xinhua)

Tamas Menczer, secretário de Estado para relações bilaterais do Ministério das Relações Exteriores e Comércio da Hungria, fala em uma cerimônia de embarque da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant em Biatorbagy, Hungria, no dia 16 de setembro de 2022. A fabricante chinesa de veículos elétricos (EV) NIO comemorou na sexta-feira o envio da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant, a primeira fábrica da empresa no exterior, para a Alemanha. (Xinhua/Chen Hao)

Funcionários participam de um corte de fita durante uma cerimônia do embarque da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant em Biatorbagy, Hungria, no dia 16 de setembro de 2022. A fabricante chinesa de veículos elétricos (EV) NIO comemorou na sexta-feira o embarque da primeira estação de troca de baterias produzida pela NIO Power Europe Plant, a primeira fábrica da empresa no exterior, para a Alemanha. (Foto por Átila Volgyi/Xinhua)

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com