(Multimídia) Resposta otimizada da China à COVID beneficiará recuperação econômica global, diz porta-voz da chancelaria-Xinhua

(Multimídia) Resposta otimizada da China à COVID beneficiará recuperação econômica global, diz porta-voz da chancelaria

2023-01-18 11:20:15丨portuguese.xinhuanet.com

Ponte do rio Haihe, importante canal de transporte de carga, na Nova Área de Binhai, em Tianjin, norte da China. As atividades sociais e econômicas das pessoas gradualmente voltam ao normal após a otimização da China de suas medidas de resposta à COVID-19. (Xinhua/Zhao Zishuo)

   Beijing, 17 jan (Xinhua) -- À medida que a situação epidemiológica geral melhorar e a vida e o trabalho voltarem ao normal em um ritmo mais rápido, a vitalidade econômica e social e o potencial de desenvolvimento da China serão totalmente liberados, o que injetará mais confiança e força à recuperação econômica global, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Wang Wenbin, na terça-feira.

   Seu comentário foi feito quando o secretário-geral da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Mathias Cormann, disse na segunda-feira que ele certamente dá as boas-vindas à flexibilização das restrições relacionadas à COVID na China, o que é muito positivo em termos de garantir que o as cadeias de abastecimento funcionam de forma mais eficiente e eficaz e ajudarão a reduzir a inflação.

   "Observamos relatórios relativos. Também vimos que, ultimamente, mais e mais instituições internacionais profissionais disseram que a adaptação da China à resposta à COVID provará ser uma bênção para a economia mundial", disse Wang em uma coletiva de imprensa regular.

    Borge Brende, presidente do Fórum Econômico Mundial, disse nos últimos dias que a otimização da resposta da China à COVID-19 levará a um crescimento mais forte e próspero e contribuirá para o crescimento global.

   O Fundo Monetário Internacional (FMI) observou que a China alcançará um crescimento econômico estável em 2023 e se tornará o maior fator positivo da economia mundial.

   Vários bancos de investimento internacionais e instituições financeiras, incluindo Morgan Stanley, Goldman Sachs, HSBC, Barclays e Natixis, revisaram para cima suas previsões para a taxa de crescimento econômico da China em 2023.

   "O governo chinês tomou iniciativa de adaptar suas medidas de resposta à COVID à luz da situação mais recente. Este é um passo certo para coordenar efetivamente a resposta à epidemia e o desenvolvimento socioeconômico", disse ele.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com